P

POLLYANNA FURTADO

Nasci em  Assis  Chateaubriand, Paraná, onde vivi parte da infância, entre assomos de alegria e de espanto. Mas foi em Sorocaba e em Campinas, no estado de São Paulo, que passei uma adolescência atormentada pela timidez excessiva, que me tornava alvo de bullying na escola. Porém, foi nessa fase da vida que descobri o encanto da poesia nos livros e na  música.

pollyanna.jpg

Aos 14 anos, mudei-me com os pais para a região Norte do Brasil em condições financeiras bastante difíceis. Com muita luta, meus pais conseguiram reconquistar a estabilidade econômica. Minha mãe, Anete Furtado Lima (1955-2020) foi professora e analista da previdência em órgão do governo. Meu pai, Marcos Sérgio Pereira Lima, é produtor de citros da região.

Sou professora de Língua Portuguesa e Literatura na rede pública de ensino e Mestra em Letras – Estudos Literários pela Universidade Federal do Amazonas. Vivo em Manaus, capital do Amazonas.

Fotógrafo Sandro Marandueira

​Publiquei livros em edição independente e semiartesanal Fractais e À margem da luz (2007). Depois veio Simetria do caos (7Letras,2011), Rosa de Sombra (artesanal e digital,2013), À sombra do iluminado (7Letras, 2017) - finalista do prêmio Jabuti 2018 e Elefantes em isopor azul (7Letras, 2019).

pollyanna2.jpg
Fotógrafo Raphael Alves